Qual a diferença entre criar valor e capturar valor

Quem é você?

Podemos criar valor criando coisas, inovando. Sistemas e processos novos. Arranjos novos. Os exemplos estão por toda parte.

 

As lojas de departamento, que também não capturaram valor do comércio eletrônico, os shopping centers recriando as novas praças do mercado, o modelo de franquias, com o qual Alexandre Costa, fundador da Cacau Show, capturou gigantesco valor.

 

A telefonia sem os fios. Os computadores como estações moveis recebendo e emitindo sinais. Mas há uma diferença entre criar valor e capturar valor.

 

Não foram os inventores originais da ciência, da tecnologia ou do olhar disruptivo quem terminou por obter resultados valiosos com as fontes de sua privilegiada ante visão.

 

Observe os que capturam valor com as coisas são pessoas, indivíduos que não têm nada a perder com o antigo, com o anterior, com o já existente.

Alexandre costa não inventou o chocolate, as trufas ou a franquia.
Mas, a Cacau Show é um show de captura de valor com a maior franquia de chocolates do mundo. A resposta nunca está no ‘o que das coisas’ e sim no ‘quem’ da individualidade.

Não foram as páginas amarelas mundiais que criaram um Google, ou a indústria da telefonia com fio que fez o celular, nenhuma grande e poderosa mídia clássica fez as redes sociais e muito menos foi uma empresa de sementes que liderou a engenharia genética da soja, do milho ou do algodão.

 

O valor pode ser criado nas “coisas”. Mas, a captura de valor está no indivíduo, a resposta vem sempre depois da pergunta: “Quem? “.

 

Então pergunto: “Quem é você? “

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *