Título devia valer a Taça das Bolinhas

São Paulo e Flamengo polarizam a luta pelo título brasileiro da temporada.

O Palmeiras agora corre por fora e vai depender muito do que fará em Porto Alegre, na quarta-feira, contra o Grêmio.

A CBF devia aproveitar a chance e resolver de vez o caso da Taça das Bolinhas que deveria ser entregue ao clube que ganhasse por cinco vezes o Brasileiro.

O Flamengo garante que tem cinco títulos, mas nem a CBF reconhece.

O Campeonato de 87 foi ganho pelo Sport Recife que derrotou na final o Guarani, de Campinas, e ambos representaram o Brasil na Libertadores de 88.

Havia uma outra competição chamada Copa União com os principais clubes do país, que o Flamengo conquistou, mas não foi considerado o Campeonato Nacional.

Houve uma virada de mesa com o surgimento do Clube dos 13 que numa canetada só afastou da primeira divisão o Guarani, vice-brasileiro de 86, o América, que foi o terceiro colocado e outros clubes que considerava de segundo escalão.

O Clube dos 13 era para ser a Liga do futebol brasileiro e se desvirtuou com o tempo. Hoje é praticamente um braço da CBF para negociar contrato de televisão e os clubes passaram a ter dois patrões. A CBF e o Clube dos 13.

Para se fazer a Copa União o critério foi apenas financeiro. Os Clubes com maiores torcidas disputavam e acabou.

O Flamengo reivindica a Taça das Bolinhas desde que venceu o Brasileiro de 1992, a sua última grande conquista.

Esse título se uniu aos de 80, 82 e 83, anos de ouro da equipe comandada por Zico, o maior jogador da história rubro-negra.

O São Paulo já conquistou seis Brasileiros e jamais viu a Taça das Bolinhas, só por foto.

Já ultrapassou as cinco conquistas faz tempo e a CBF não teve coragem de mandar a Taça para o Morumbi. Não quer desagradar o Flamengo, mas também não reconhece o título da Copa União.

Então vamos fazer o seguinte:

Aquele que ganhar o título neste ano finalmente recebe a Taça das Bolinhas.

Vamos acabar com essa história que já deu nos nervos de muita gente.

É a única Taça que tem dois donos e não é de ninguém. É só da CBF, que a guarda a sete chaves até hoje.

E se o Palmeiras correr por fora e consequir o título, manda a Taça das Bolinhas para o Palestra Itália.

Afinal seria a sua quinta conquista já que ganhou em 72, 73, 93 e 94, podendo incluir ainda o Nacional da Série B em 2003. Que tal?

Para não deixar Flamengo e São Paulo tristes é só mandar a réplica da Troféu para colocarem nos seus respectivos museus com os seguintes dizeres: a Taça das Bolinhas já foi nossa também.

Share This:

202 Comentários

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *