Notícias

Você sabe criar uma senha realmente segura?

senhasVocê se preocupa com a segurança da senha que usa para acessar seus serviços online? Que critérios utiliza para tornar a senha forte o suficiente? Caso tenha encontrado dificuldade para responder essas duas perguntas, fique atento porque as suas senhas podem expor você em vez de te proteger.

E se você dúvida disso, basta conferir a lista das senhas mais utilizadas em 2015. A empresa SplashData divulgou o levantamento e confirmou aquilo que os especialistas em segurança sempre apontam: o usuário escolhe o caminho mais fácil e compromete a própria segurança. Quer um exemplo?

A combinação que mais aparece nesse levantamento é numérica e envolve uma sequência de números (12345…). Outro dado curioso é que a palavra senha também foi amplamente utilizada como senha. Curioso, né?

Mas o que pode ser feito para que você garanta maior proteção com as senhas que utiliza? Lembrando que nenhum sistema é inviolável, como eu sempre destaco aqui no Tech News.

A resposta é simples e está resumida nos tópicos abaixo:

Complique a vida do criminoso virtual. Evite palavras comuns, que estão em alta – como nome der personagens ou celebridades. Também não caia nas combinações óbvias, porque os programas feitos para quebrar senhas estão preparados para testar as obviedades primeiro.

Abuse nas combinações. Letras, números, símbolos, maiúsculas, minúsculas…tudo isso deve fazer parte da sua senha, que você também deve elaborar com um número razoável de caracteres, algo próximo de oito ou dez.

Ajuda a sua memória. Pense numa frase ou palavra e depois adapte-a para a sua senha. Há dois modos de fazer isso:

1) Usando a senha como sigla para a frase que você escolheu: Em 2016 voltarei à natação >>> E2016VaN

2) Substituindo as letras por números e símbolos: superpoderes > 5up3rpod3r35

Crie senhas diferentes para cada serviço e mude as senhas a cada dois ou três meses.

Nunca, em hipóteses alguma, jamais escreva as senhas num papel ou deixe-as em um mesmo arquivo de texto salvo no seu dispositivo. Isso se chama entregar o ouro para o bandido! Agora, se você acha realmente necessário fazer esse registro, porque são muitas senhas e será difícil lembra-las, faça em um dispositivo removível (HD externo ou Pen Drive) que não esteja conectado à internet e longe do computador.

Comentários

comments