Imakay é novo oriental com influência peruana e destaque para o fogo

Os entusiastas da culinária oriental têm inúmeros motivos para cair de amores pelo Imakay.

O restaurante acaba de inaugurar em São Paulo apresentando pratos com forte influência peruana e destaque para o fogo.

O Imakay, que significa “conceito” em quíchua (dialeto indígena da época do Império Inca), é comandado pelos jovens chefs Luís Eduardo Mora, responsável pelos quentes, e David Rodrigues, no sushi bar.

Ansiosos com a inauguração, que atrasou devido às obras no imóvel, localizado no Itaim, Zona Oeste da cidade, a dupla de cozinheiros se instalou no espaço até o dia da abertura. “Cozinhávamos e dormíamos aqui praticamente todos os dias. Trabalhamos muito para elaborar cada receita e ver, finalmente, esse sonho virar realidade”, conta David ao Guia SP.

Mora, da Costa Rica, que tem passagens nos aclamados Rafael Osterling e Tragaluz, em Lima, no Peru, assina criações finalizados na parrilla, que fica exposta para os clientes ao lado do balcão onde o piauiense Rodrigues faz seus preparos.

Apesar de separados na rotina do restaurante, a sintonia entre eles é visível e os dois compartilham o sucesso de cada prato. É uma atração à parte presenciar a cumplicidade de dois jovens tão talentosos e apaixonados pelo que fazem, o que, certamente, resulta na qualidade do que é apresentado.

Menu em constante transformação

Rodrigues explica que o menu do restaurante é sazonal e depende da qualidade dos produtos fornecidos semanalmente. Por isso, vale a pena saborear o Menu Degustação com frios, quentes e sobremesa à escolha dos chefs. Peça pelo bem servido serviço para uma pessoa em 10 tempos (R$ 340) ou em 7 tempos (R$ 250).

View this post on Instagram

🖤

A post shared by Travel Lifestyle Food (@patymoraesnobre) on

Entregue-se ao show

Não espere encontrar shoyu na mesa e deixe que Rodrigues faça seu show, que inclui até defumação ao vivo com carvão mineral em brasa: o shari-su, tempero do arroz japonês, teve receita desenvolvida ao longo de 3 anos e tem como base o aka-su, vinagre envelhecido raro e importado do Japão. A temperatura do arroz é medida várias vezes durante o serviço e garante a precisão ideal ao chegar ao paladar, com peixe frio e shari morno, já cuidadosamente temperados pela mão do chef com wasabi e shoyu.

Da cozinha, o Atum Huacaína selado na parrilla acompanha vagem tostada e dois molhos clássicos peruanos, o anticuchero e huacaína, feitos com as pimentas peruanas ají panca e ají amarillo, ambas com a picância retirada (R$ 58).

O Polvo Estofadito (R$ 82) é marinado em chimichurri feito na casa e finalizado na brasa, acompanhados de quiabo defumado e mini alface romana cítrica. A pescada, acelga e gohan trazem também o toque defumado da parrila ao grelhar o peixe em fogo alto e servido com acelga chinesa no vapor, arroz japonês e molho a base de shoyu e sake.

A dica bem peruana e que explode de sabores é o Chaufa Isla Casca (R$ 49), um arroz salteado com polvo, camarão, lambreta, vegetais, ovo e sour cream.

De sobremesa, o Lingote de oro (R$ 20), uma Barra de mousse de chocolate belga 70% cacau sob base de biscoito de chocolate e castanhas de baru, é excelente pedida.

Drink Houdini / Crédito: Mario Rodrigues

Drink que derrete

O destaque da casa é o drinque Houdini (R$ 35). Inspirado no lendário ilusionista de mesmo nome, que traz além do bourbon, algodão doce de campari que desaparece aos olhos do cliente quando finalizado na mesa. Ao todos, são 22 bebidas autorais de Marcio Felipe preparadas com uma gama de destilados de todo o mundo.

O ambiente sofisticado tem uma arquitetura original, assinado pela URDI Arquitetura, com forte influência japonesa e peruana. No espaço, detalhes destacam o clima minimalista moderno com elementos artesanais e coloridos, da escultura de cordas que sustenta o bar ao grafite do artista Julian Gallasch, instalado ao longo do salão. No salão principal, capacidade para 80 pessoas.Também há uma sala privativa reservável para 12 pessoas.

“Enxergo São Paulo como celeiro para novas apostas gastronômicas. Acredito que nos últimos anos a democratização e acesso a alta gastronomia cresceram em proporções enormes. Cada vez mais se entende e se valoriza os restaurantes com ingredientes de verdade e que trazem boas inovações”, diz Ricardo Merjan, que possui mais de 15 anos de experiência com restaurantes e rede de pizzarias artesanais, e foi responsável pela inauguração da primeira unidade do Imakay em Campo Grande em 2015.

SERVIÇO
Rua Urussui, 330 – Itaim
Telefone: (11) 3078-7786