Dark foi a primeira produção original alemã da Netflix. A série tem muitos detalhes, envolve viagem no tempo e entrelaça a história de 4 famílias. A história se passa inicialmente em 2019, mas depois de divide entre vivências do passado e presente, com pitadas de futuro. Parte do desaparecimento de umas crianças, trata de temas como paternidade e responsabilidades bastante adultas. você também será apresentado à um vilão, o Noa. E muita gente achou que Dark pode é uma espécie de Stranger Things proibidona.

Relembre a primeira temporada:

 

DARK segunda temporada estreiou em 21 de junho, na Netflix. O trailer da sequência prenuncia um futuro apocalíptico!

 

E já que eu citei no vídeo de Dark, a série Dirk Gently Holistic Detective Agency, disponível na Netflix, é uma ótima indicação que leva a assinatura de Douglas Adams, do aclamado O Guia do Mochileiro das Galáxias. A série trata basicamente da formação desta agência de investigação holística, liderada pelo excêntrico detetive Dirk (Samuel Barnett), que é malucão e tem um vibe Austin Powers. A história é contada a partir do personagem de Elijah Wood, que virá a se tornar assistente de Dirk. A primeira temporada tem oito ótimos episódios, com personagens improváveis e sim, com muitas viagens no tempo. A segunda temporada também está disponível no serviço de streaming

Recentemente também maratonei a segunda temporada de The OA. Mais uma série que abusa da viagem no tempo, ou pelo menos da tentativa de se viajar no tempo para contar a história de uma mulher que desaparece por 7 anos, cega, e reaparece enxergando. Sua versão sobre o período em que esteve sumida é fantástica, e será contada para outsiders que irão inclusive aprender uma coreografia maravilhosa. Não conto mais para não estragar a vibe.

 

Na segunda temporada Prairie Johnson vai realmente viajar para uma outra dimensão, outra realidade, e seguirá ligada aos parceiros de cárcere e aos que ouviram suas histórias. Muitas portas seguem abertas para mais temporadas protagonizadas e idealizadas por Brit Marling. Diz que vem mais coisa por ai!

Fechando as dicas de séries que brincam com viagem no tempo, a recente Russian Doll. Motivos para ver a série? Vamos lá. Se você já é fã da série Orange Is The New Black, talvez esteja no mínimo curiosa para saber o que mais tem a oferecer a intérprete de Nicky Nichols, a agora bem ruiva Natasha Lyonne. Pois é dela o projeto de Boneca Russa, escrita, produzida e protagonizada, mas também em parceria com  Leslye Headland (Bachelorette, 2012) e Amy Poehler (Parks and Recreation).

Pancadão X Carla Vilhena Luciano Huck e Angelica agradecem o apoio do público

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.