Jay Asher o autor do livro que originou a série da Netflix 13 Reasons Why foi inclusive banido da Sociedade dos Escritores e Ilustradores de Livros Infantis .  Essas acusações apareceram no ano passado, quando também ocorreu, em divulgação, a expulsão do autor da entidade.

Não se sabe de detalhes do caso de assédio, mas apenas que além de Asher, também foi expulo o ilustrador David Diaz. Lin Oliver, diretora da organização informou:

“Alegações contra eles foram investigadas e, como resultado, eles não são mais membros ou aparecerão em eventos futuros da SCBWI

O BuzzFeed News, falou com o autor que disse que deixou voluntariamente a SXBWI :

“É muito assustador quando as pessoas simplesmente não vão acreditar em você. Sinto-me em conflito sobre isso com o que estamos passando na nossa cultura, em quem você deve acreditar ou não”.

A Netflix ainda não comentou o caso.

Quem leu o livro ou assistiu a série pode mesmo se impressionar com essas alegações, já que a trama trata exatamente dos prejuízos, muitas vezes irreversíveis, causados por casos de assédio e abuso sexual. As filmagens para a segunda temporada de 13 Reasons Why já foram encerradas, mas ainda não existe uma data fixada para seu lançamento.

O rei das séries Ryan Murphy foi contratado pela Netflix Ser ator, ser atleta e gay: Luis Miranda fala da sua experiência e atletas se manifestam durante os Jogos Olímpicos de Inverno

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.