Todo mundo ouviu e se emocionou com o discurso de Oprah Winfrey no Globo de Ouro. Sim, a apresentadora e atriz falou, entre ouras coisas, dos casos de assédio sexual não só em Hollywood, mas em outras profissões. Na internet, muita gente questionou a discurso por motivo de fotos, que colocam a apresentadora ao lado, trocando beijo inclusive, com o principal alvo das denúncias, o produtor Harvey Weinstein. O cantor britânico Seal fez questão de fazer um post no Instagram, onde chama a americana de hipócrita. Ele acredita que Oprah sabia dos abusos cometidos por Harvey Weinstein.

 “Quando você é parte do problema durante décadas, mas de repente acha que é a solução”.

“Ah, me esqueci, é isso mesmo… Você ouviu os rumores, mas não fazia ideia de que ele estava realmente abusando várias jovens atrizes em início de carreira que não sabiam onde estavam se metendo. Falha minha”

Lembrem-se que quando apareceram as acusações de abuso e assédio sexual contra Weinstein, Oprah se manifestou em seu Facebook, declarando indignação com o comportamento de Weinstein:

“Eu tenho processado as histórias sobre o comportamento horrível de Harvey Weinstein e não consegui encontrar palavras para articular a magnitude da situação”.

Depois, o cantor fez um vídeo explicando que seu post não foi um ataque direto à apresentadora, mas uma forma de expor a hipocrisia que permeia Hollywood. E mudou de assunto dizendo que todas as mulheres que fizeram denúncias não receberam justiça até agora, pois a perda do emprego para os abusadores não é punição suficiente.

#TellTheTruth for full length go to my Facebook page ✌🏾&💜

Uma publicação compartilhada por SEAL (@seal) em

James Franco: 5 casos de assédio relatados por reportagem DEPOIS DO CINEMA: Jumanji, Bem-vindo à Selva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.