Pular para o conteúdo

Inocência presumida

Torcida do Flamengo abraça Gávea e escala meninos como se estivessem jogando. Já cantou Gil há 50 anos: Alô, alô, torcida do Flamengo. Aquele abraço! A torcida merece. Sempre. O clube, para não dizer quase todos, ainda não merece nem os justiceiros de plantão e nem os panos passados das tribunas amigas. A presunção de inocência pode parecer inocência realmente presunçosa de nossa parte. Mas é princípio inalienável do Direito. E do Jornalismo que busca Justiça, não justiceiros que condenam ou absolvem em primeiro instante.