Pular para o conteúdo

Postos de saúde ficam abertos neste sábado para vacinação contra gripe

Estadão Conteúdo
Postos de saúde ficam abertos neste sábado para vacinação contra gripe
Brasil, Ouro Branco, MG, 24/10/2011. Postos de saúde de Ouro Branco (MG) disponibilizam a vacina contra meningite C à população nesta segunda-feira. As Unidades Básicas de Saúde (UBSs) estão preparadas para aplicar de 20 a 22 mil doses da vacina e grandes filas começaram a se formar desde cedo. - Crédito:SAMUEL AGUIAR/O TEMPO/AE/Codigo imagem:102561

Amanhã, dia 4 de maio, será o Dia D de vacinação contra a gripe. Os postos de saúde ficarão abertos em todo o país para para atendimento à população público-alvo da campanha, como idosos, professores de escolas públicas e privadas, crianças com idade entre 1 e 6 anos incompletos, trabalhadores da saúde, policiais, bombeiros,  grávidas e mulheres tiveram bebê há até 45 dias. Para estas pessoas, a vacina é gratuita.  Quem não se enquadra neste público e quer se vacinar precisa procurar uma clínica e pagar. O valor varia entre R$ 100 e R$ 140, em média, na cidade de São Paulo.

Podemos pegar gripe pelo pelo ar, por contato direto (de secreções de alguém doente com o nariz, olhos ou boca) e indireto (tocando em objetos ou superfícies contaminadas por alguém que expeliu o vírus e colocando a mão em uma das mucosas, por exemplo).

“A melhor maneira de prevenir a gripe é com vacinas. A cada ano, as doses precisam ser adaptadas aos vírus que estão circulando, porque eles constantemente sofrem mutação, então a cada ano  a pessoa deve ser imunizada”, diz Patrícia Cervantes, diretora médica para Influenza da Sanofi Pasteur para a América Latina.

Infectologista e especialista em vacinas da Dasa, Maria Isabel de Moraes Pinto explica que a  agressividade do vírus depende mais do estado de imunidade do indivíduo. “Qualquer um dos vírus influenza pode determinar desde uma simples gripe até um quadro de insuficiência respiratória ou levar à morte”, diz.

Segundo Maria Isabel, são raras as contraindicações da vacina contra a gripe. Não podem receber a dose apenas os bebês com menos de seis meses ou pessoas, de qualquer idade, que tenham reação alérgica grave às proteínas do ovo. Também são incomuns os eventos adversos, pois a vacina é de um vírus inativado (morto) e, portanto, não causa a doença.

Dados do Ministério da Saúde apontam que, até 20 de abril, foram registrados 427 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por influenza em todo o país, com 81 óbitos. Até o momento, o subtipo predominante no país é o vírus influenza A(H1N1) pdm09, com registro de 213 casos e 55 óbitos.