Pular para o conteúdo

Livro relata casos reais para abordar autismo e bullying na infância

O autismo, transtorno global do desenvolvimento que já atinge uma em cada 160 crianças, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), começa na infância e pode persistir na adolescência e na idade adulta. Nos primeiros cinco anos de idade já é possível notar alguma característica do transtorno, seja na comunicação ou ao realizar atividades.

Já o bullying é um dos problemas mais graves em escola de todo o mundo. E em boa parte dos casos ele aparece de forma disfarçada, através de brincadeiras, piadas e “gracinhas”. Mas, muitas vezes, se apresenta através de agressão verbal.

Os dois assuntos acima são abordados com casos reais no livro “O Menino que Nunca Sorriu & Outras Histórias Reais”, como a vida de um menino que até os 7 anos nunca havia dado um sorriso e também no cotidiano do jovem que se recusa a entrar em ônibus cheio.

Esses personagens reais são ou foram pacientes do Ambulatório da Psiquiatria Infantil da Santa Casa, no Rio de Janeiro, referência no país. À frente, está o renomado psiquiatra infantil Fabio Barbirato, que comanda uma equipe de 42 profissionais.

O livro reúne recortes dos casos mais emocionantes  de crianças e adolescentes atendidos na unidade de saúde durante 20 anos.  As histórias são contadas pelo psiquiatra Barbirato e sua mulher, a também psiquiatra Gabriela Dias. Os pacientes são portadores de autismo, ansiedade, depressão, hiperatividade e outros transtornos.

Os médicos e autores esperam, com a obra, que transtornos mentais saiam da sombra do preconceito e do
estigma.

O livro já está disponível nas livrarias e também nas plataformas digitais, no formato e-book.

SERVIÇO

“O menino que nunca sorriu & outras histórias reais – Autismo, depressão, bullying
e bipolaridade entre crianças e adolescentes”
Autores: Fabio Barbirato e Gabriela Dias, em depoimentos a Gustavo Pinheiro
Editora: Máquina de Livros
Páginas: 144
Preços: R$ 44,90 (livro impresso) e R$ 24,90 (e-book)